Não basta ser Vet-USP, tem que vestir a camisa!
By estabulo On 11 set, 2012 At 10:34 PM | Categorized As Textos | With 1 Comment

Uma das coisas mais desejadas para muitos que querem estudar veterinária é entrar aqui. Tradição em ensino, estrutura elogiável, sem contar os pais que enchem a boca para falar “Meu filho faz Veterinária na USP!”. Mas, junto com todos esses prazeres de objetivo alcançado vêm o outro lado: a responsabilidade de ser USP.

Estamos em uma faculdade pública, o que significa que a sociedade investe em nós. Nada do que temos e fazemos é de graça, como muitas vezes temos a impressão. Precisamos retornar à sociedade o investimento feito em nós de alguma forma. Nos formarmos bons profissionais é nossa obrigação por tudo que temos a nossa disposição, não retribuição.

Temos às nossas mãos a possibilidade de realizar projetos de extensão, trabalhar em atividades acadêmicas (CA, Atlética, EJAV, RD, etc), participar de atividades que visam melhorar o que é oferecido pela faculdade (vide Encontro de Graduação, que faz parte do trabalho de melhorar e atualizar nossa matriz curricular). Mas cadê o aluno nessas horas? Porque sempre mantermo-nos no paradigma de que “é sempre a mesma meia dúzia que faz tudo, desde representante de sala até a Sacavet/Simpropira”?

Entrar na USP não é somente usufruir tudo que temos. Estamos passando por um momento crucial na formação que nossa faculdade oferece a seus alunos, e é NOSSA responsabilidade unir força com professores e toda a faculdade para contribuirmos. É muito fácil reclamar das matérias, das repetições e de N outras coisas. Mas quantos já participaram de alguma atividade de discussão para tentar melhorar? Quantos participam de atividades propostas pelo Centro Acadêmico com o objetivo de melhorar a graduação, promover extensão? Quantos votaram nos representantes discentes porque acham capazes da função, te representam, e não porque são legais, simpáticos ou pediram votos para você?

“Vestir a camisa” não é só ir para a Copavet, Bife, torcer pela vet, ir para o CA na sexta, entre outras coisas. SETENTA E UMA TURMAS (até agora) passaram por aqui e deixaram um legado. Nessa história tiveram erros e acertos. Porém cabe a nós trabalhar para os erros não acontecerem e aumentar os acertos. Sem contar que tudo isso que pode ser feito, além de ser CIDADANIA, traz aprendizados para a vida profissional e pessoal que estágio nem matéria alguma traz. Só um exemplo histórico sobre isso: a Vet-USP é a ÚNICA faculdade que OFICIALMENTE tem o direito de utilizar as cores da bandeira paulista. Isso por gratidão aos serviços prestados ao Estado, pois éramos responsáveis até pela campanha de vacinação contra raiva. Por isso que não usamos verde e branco como cores principais. Para uma faculdade com esse histórico acredito que estamos fazendo muito pouco e até mesmo sendo egoístas nos prendendo a nossos estudos somente.

Ser aluno USP não é ser mais um aluno comum, só que com diploma USP. É ser um profissional e cidadão diferenciado, que faz a diferença na sociedade.

Você que leu até o final…O que você faz para merecer estar aqui?! O que pode fazer?! Pense nisso…

André Luiz Assi (Karakú-71)

Nota do Estábulo: este texto seria originalmente publicado em novembro de 2010, mas a edição não chegou a ser impressa.

Relacionados:


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/danil190/public_html/estabulosp.com.br/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273